Tecnologia do Blogger.

7 de novembro de 2012

RESENHA: Invisíveis – Stef Penney

Invisíveis da autora Stef Penney
  • Editora: Intrínseca
  • ISBN: 9788580572285
  • Ano: 2012
  • Páginas: 384
  • Gênero: Suspense, Drama;
  • Onde comprar:


Impressionante. Foi isso que pensei do desfecho dessa trama desenvolvida pela Stef Penney. Mesmo que um pouco forçado, ela conseguiu impressionar, e isso me fez gostar do livro.



Seis anos após o desaparecimento de sua filha Rose, o cigano Leon Wood, corroído pela dúvida sem saber se sua filha está ou não morta, decide contratar um detetive particular. Ray Lovel um detetive que embora pouco renomado, tem a vantagem de ser descendente de cigano, e concorda em pegar o caso.

Rose se casou com Ivo Janko, um rapaz muito bonito e também misterioso  membro de uma família de ciganos nômades. Após o nascimento de seu filho, Rose fugiu. Mas isso é o que alegam os Janko. ...E em meio a todo esse mistério e pontas soltas que envolvem o sumiço de Rose, Ray poderá finalmente encontrar a mulher que o fará esquecer sua ex-esposa, mas também irá embarcar em terreno perigoso onde talvez fosse melhor esquecer toda essa história de desaparecimento. 


Com a narrativa um tanto lenta, porém agradável, Stef Penney nos guiou por sua trama cheia de suspense e apresentou esse universo cigano. 

Os capítulos são alternados. Ora narrado por Ray. Ora narrado pelo garoto JJ Janko com sua forma simples e direta de apresentar o "mundo" cigano. Confesso que gostava mais dos capítulos do JJ, (até porque ele é o único personagem que realmente gostei no livro) que é um garoto esperto e carismático, e no decorrer do livro amadureceu bastante.

O livro conquista pelo ar de mistério em torno do desaparecimento de Rose Janko, o que nos faz desconfiar de tudo e de todos; e pela apresentação da cultura desse povo cigano. Invisíveis não chega a ser um romance investigativo e nem é totalmente drama, ele fica no meio-termo. 


Minha Avaliação: ★★★☆☆ -> Bom!





20 comentários:

  1. Olá Cel,

    Fiquei com medo de ler, justamente pelo release, mas lendo sua resenha, vejo que o livro é bom!

    Bjokas

    ResponderExcluir
  2. Nossa, adoro ciganos me interessei muito pela história. ótima resenha!

    ResponderExcluir
  3. Eu adoro essas tramas de mistério, que te faz pensar e ficar analisando tudo para tentar desvendar antes do fim do livro, adoro a cultura cigana, deve ser bem interessante, estava precisando de recomendações de livros, creio que esse vai entrar na minha lista!

    http://thegirlretro.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  4. hm adoro livros que tenham esse ar de mistério, e a capa é maravilhosa

    ResponderExcluir
  5. Com certeza vou gostar muito de ler o livro, uma vez que li a sua resenha e adorei. Parabéns. A capa do livro é bem bonita.

    ResponderExcluir
  6. Mistério,romance,investigação,suspense e o universo cigano já são bons motivos para ler o livro,bem interessante a resenha fiquei com vontade de ler para descobrir o que acontece no final.

    ResponderExcluir
  7. Não sei nada sobre o universo cigano, sempre tive uma espécie de receio. Mas daria uma chance ao livro só pelo fato de ser recheado de mistério, gosto disso.

    http://sobreimportancias.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  8. A capa do livro dá um ar de mistério.
    A autora Stef Penney consegue fazer o leitor se envolver e tentar descobrir o que aconteceu,o que está por trás do desaparecimento de Rose,neste suspense e drama

    ResponderExcluir
  9. Adoro! Adoro livros com o suspense do "0 que aconteceu com fulano?" È. Parece ser bem legal. O que sera que aconteceu com ela? Quero saber. Se esta viva ou não. E o motivo de ter fugido.
    Estou curiosa!
    Beeijoca!

    ResponderExcluir
  10. Na divulgação dos lançamentos da Intrínseca, fiquei bem curiosa com a sinopse de Invisíveis. Gostei bastante da sua resenha e fiquei ainda mais curiosa em desvendar esses mistérios. Achei bacana a autora dar peças para que nós, leitores, encaixemos. Com certeza vou querer ler.
    bjim

    ResponderExcluir
  11. Oi Cel

    Pela resenha o enredo parece bom, mas não me animei muito a ler esse livro desde o lançamento.

    :)

    ResponderExcluir
  12. não me animei tanto .. infelizmente!

    ResponderExcluir
  13. Nunca ouvi falar sobre esse livro, li poucos livros de ciganos na vida...Leria se tivesse a oportunidade ^^

    ResponderExcluir
  14. Quase me confundi com outro livro agora! kkk
    Esse eu havia visto apenas a capa, gostei bastante da estória, parece ser bem interessante. E você mesmo disse impressionante; tem algo diferente nele, lendo a resenha nem diria que era romance, fiquei instigada a conhecer o tal JJ, parece ser aquele tipo de personagem que nos pega de jeito, aquele carisma que conquista qualquer um. Vou adicionar este livro na minha lista de desejados já!

    ResponderExcluir
  15. Adoro poder conhecer novas culturas lendo livros, e creio que, com esse livro, poderei conhecer um pocou dos ciganos. Estou com um "pé atrás" sobre esse livro, mas, quem sabe, ele não supera minhas expectativas, não é?

    Abraços!

    ResponderExcluir
  16. Tenho muito interesse em conhecer mais sobre o mundo cigano e eu adorei essa capa! ^^
    Mas se a leitura é lenta, então é melhor eu deixar passar esse... pois estou ameaçando ressaca literária então.. kkk
    Beijinhos
    http://tyelehopes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. Olá!

    Adoro u bom suspense e esse parece que prende o leitor né? E nada como um desfecho que impressiona!

    Beijosss

    Lana
    Hunters Culture

    ResponderExcluir
  18. Não tenho certeza se é o tipo de leitura que eu iria gostar, fiquei na dúvida, rs! Não gosto de narrativas lentas, por outro lado, gosto de narrativas na visão de duas ou mais pessoas, dá pra ter uma perspectiva melhor da estória! Mas a estória em si não me interessou tanto, realmente parece ser algo mais parado e acho que eu teria uma certa dificuldade de terminar o livro! rs!
    Mas gostei da sua resenha, foi bastante clara! :)
    Bjs!

    ResponderExcluir
  19. Confeço que já tinha lido outras resenhas sobre esse livro e nenhuma me instigou a lê-lo. Com a sua, vi que o personagem JJ Janko evolui durante a trama; o que me faz gostar bastante dele, e consequentemente colocar tal prosa na minha lista de desejos do SKOOB. Gosto muito de desfechos inovadores e inesperados, mostrando a capacidade do autor. Não gosto muito de livros narrados em primeira pessoa quando somente um personagem a faz, porque principalmente sendo uma drama cheio de mistérios, o que o personagem não entende você também não, ou fica muito mais difícil do qual.Mas estou interessado principalmente pelo fato de nunca ter lido nada que mencionace ciganos e sua cultura diferenciada. Parabéns pela resenha! :D

    ResponderExcluir
  20. Logo de início a capa já me interessou bastante, conta a história de alguém que não consegue seguir em frente após a perda de um ente querido, o que costuma acontecer frequentemente, infelizmente. E lógico, esse ar de mistério deixa o leitor ainda mais entusiasmado.

    ResponderExcluir