Tecnologia do Blogger.

29 de maio de 2010

Especial: Bienal Do Livro De Minas - Parte III

Olá pessoal, antes de iniciar este post eu gostaria de me apresentar à vocês:


Meu nome é Giordânio de Souza e é com muita felicidade que digo a vocês leitores, que a partir de hoje, estou iniciando como colunista no Uma Janela Secreta. Estou finalizando uma graduação em Letras pela UNEB e Informática pelo IFBA. Sou designer gráfico e, às vezes, dou uma de crítico literário e jornalista. Estou junto com Cel há mais de cinco anos. Espero que vocês gostem dos meus escritos. Gosto de literatura nacional, poesia e contos. Hoje vou falar um pouco sobre alguns debates da Arena Jovem.



Nesta terceira parte da Bienal de Minas irei falar de duas discussões que aconteceu na Arena Jovem nos dias 20 e 21 de maio.

No primeiro dia achei muito interessante os trabalhos que estão sendo realizados à respeito da inclusão de deficientes visuais e auditivos na leitura. Participaram desse debate a escritora Elizete Lisboa, os educadores Neylar Fernandes e Márcio Vassalio e por fim o vereador Arnaldo Godoy. A Elizete mostrou alguns trabalhos que já está realizando para os deficientes visuais e a Neylar apresentou algumas divergências que acontecem na inclusão. Dentre estas divergências, ela apresentou a falta de apoio do Estado para a preparação do professor.


No segundo dia, o debate era em torno da nova polemica sobre a literatura digital. Estavam lá para debater a Heloisa Buarque de Hollanda, Lucia Riff e Chico Marinho. A agenciadora Lucia Riff desmitificou alguns mito a cerca da Literatura digital, a Heloísa apresentou um série de questões levantadas à respeitos dos leitores digitais, bem como a propriedade do livro (É de quem comprou ou de quem vendeu?). Chico Marinho pincelou sobre o novo mega projeto da UFMG, no qual ele é dos coordenadores, A UFMG está desenvolvendo pesquisas sobre um livro digital capaz de ler o leitor e caso ele apresente dificuldade na leitura o próprio livro modifica o conteúdo para que ele possa compreender melhor.

Esses dois debates foram muito interessantes, pois, estamos indo para uma Era em que a cultura agora responde de modo digital, que cada vez nos apresentam tecnologias meio que preocupantes.
Esse é meu primeiro post como colunista do Uma Janela Secreta. Espero que gostem.

Uma atração que achei superinteressante foi o "Carro Biblioteca" que é um projeto de extensão desenvolvido pelo Centro de Extensão da Escola de Ciência da Informação da UFMG em parceria com a Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte, possui um acervo de mais de 4200 livros. Tem como público alvo todas as idades, infantil, juvenil e adulto. Se quiserem saber um pouco mais desse projeto entre no site (http://www.ufmg.br/diversa/8/cultura.htm)

Abraços à todos.


4 comentários:

  1. Olá!
    Ai meu Deus, Bienais são meu ponto fraco!
    Estou louca para que aconteça a Bienal de Goiás!
    Fico maluca no aguardo!
    Ameii esse carro biblioteca, quero um para mim! hehe
    Bjos

    ResponderExcluir
  2. Ahh quero uma bienal, pqe essas coisas nunca acontecem nos lugares onde eu moro?

    E Bem vindo Giordânio! :]

    xxx
    Ana

    ResponderExcluir
  3. Oi! Seja bem-vindo!

    Li os posts da Bienal e que inveja eu tenho hehe, aqui não tem - só a Feira do Livro mesmo. Os assuntos desses debates são muito bons e atuais, gostaria de assistir.

    Bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  4. Bem Vindo! Mais um garoto nessa blogosfera bem feminina? Uhuuu vou ter um amigo para falar de Futebol e coisas de nerd (caso for nerd)! (ps: absolutamente nada contra vocês meninas, o marcinhow aqui ama todas vocês)*momento:SEACHANDOOULTIMOBISCOITODOPACOTE!

    ResponderExcluir